Segunda-feira, 22 de Agosto de 2022


00:00

Filmes que Marcaram Época - Episódio Cinco Graças

 •  2018  •  Livre  • 


De Amine Mestari

Em uma pequena vila na Turquia, cinco irmãs se rebelam contra suas famílias e a ordem patriarcal sufocante.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


01:00

Revista Curta! - Episódio 21 08 2022

 •  2022  •  Livre  •  RJ


Acompanhe a revista eletrônica totalmente dedicada à cultura. Seguindo a máxima do canal, quem fala é quem faz, a proposta são os próprios artistas e pensadores apresentarem seus trabalhos e contarem suas histórias.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


01:15

Grandes Mitos: A Ilíada - Episódio A Maçã da Discórdia

 •  2019  •  14 anos  • 


De Sylvain Bergere

Uma maçã de ouro destinada "ao mais justo" é enviada para um banquete no Olimpo por Éris, a deusa grega da discórdia. Incapaz de decidir entre as deusas Afrodite, Hera e Atena, Zeus decide deixar um mortal escolher: e esse homem é Páris, o jovem filho do Rei Príamo de Troia.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


01:45

Rodin em seu tempo

 •  2016  •  Livre  • 


De Claire Duguet, Leslie F. Grunberg

Parte importante da efervescência cultural e intelectual da belle époque, Auguste Rodin concebeu obras envolvidas pela ousadia e genialidade de seu tempo. O filme traz não apenas a história do escultor, mas o espírito permanente que suas criações deixaram na sociedade.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


02:45

Paulo César Pinheiro - Letra e Alma

 •  2021  •  Livre  •  SP


De Cleisson Vidal, Andrea Prates

Poeta, escritor, compositor e referência incontestável da rica produção cultural brasileira, Paulo César Pinheiro fala sobre suas origens, referências literárias, seu encontro com a poesia e o que lhe deu "régua e compasso". Autor de vasta e rica produção, entre músicas, livros, peças teatrais e de parcerias memoráveis, que já atravessam 5 gerações, o poeta não dá sinais de que a genial inspiração possa se esgotar. 

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


04:20

Todas as Melodias

 •  2020  •  Livre  •  RJ


De Marco Abujamra

Luiz Melodia tem música até no nome. Nasceu no Rio de Janeiro, mais precisamente no Morro do Estácio, no dia 7 de janeiro de 1951. Sua trajetória foge um pouco do esperado. Luiz Melodia, apesar de ter crescido no morro no meio do samba, não é um sambista. Não recusa suas origens musicais, mas foi mais além. Assimilou uma musicalidade que absorve vários estilos e criou uma forma muito particular de composição. O filme proposto terá o ritmo e força de sua poesia urbana. Através de shows memoráveis, entrevistas com pessoas importantes na vida do músico e contando com a participação do biografado de forma espontânea, apresentaremos a trajetória deste artista que carrega um estilo inquieto, elegante, sofisticado e carismático.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


06:00

O Povo Brasileiro - Episódio Brasil Sertanejo

 •  2001  •  10 anos  •  SP


De Isa Grinspum Ferraz

Existem pelo menos dois "nordestes". Um é o Nordeste litorâneo, que vai da Bahia ao Maranhão - Nordeste Crioulo. O outro Nordeste, nas palavras de Gilberto Freyre, é o dos "sertões de areia seca rangendo debaixo dos pés", das "paisagens duras doendo nos olhos" das "figuras de homens e de bichos se alongando quase em figuras de El Greco". Não é mais o Nordeste sedentário da monocultura latifundiária, filmagens mas o Nordeste da cultura do couro e do gado. Nordeste das ossadas esbranquiçadas e do azul sem nuvens. Nordeste de Antonio Conselheiro, do Padre Cícero, de Lampião, de Luiz Gonzaga. Nordeste da cultura sertaneja. Mas o Brasil Sertanejo não se circunscreve apenas a esta região. Vai do agreste aos cerrados, passando pelas caatingas. Penetra o Brasil Central, com suas atividades agrícolas e sua tradicional economia pastoril, a mestiçagem se dando basicamente entre brancos e índios, com fraca participação negra. Como bem viu Darcy Ribeiro, aí se conformou "um tipo particular de população com uma subcultura própria, a sertaneja, marcada por sua especialização ao pastoreio, por sua dispersão espacial e por traços característicos identificáveis no modo de vida, na organização da família, na estrutura do poder, na vestimenta típica, nos folguedos estacionais, na dieta, na culinária, na visão de mundo e numa religiosidade propensa ao messianismo".

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


06:30

Imortais da Academia - Episódio Cadeira 16: Gato na cadeira de veludo azul

 •  2018  •  10 anos  •  RJ


De Belisario Franca

Os gatos são forte objeto de interesse da atual ocupante da cadeira de número 16 da Academia Brasileira de Letras, Lygia Fagundes Telles. O encanto pelos bichanos é tamanho que a escritora os utilizou como instrumento de comparação para sublinhar as características dos antecessores dela na cadeira. Neste episódio da série Imortais da Academia, destaque para os pontos marcantes de alguns desses antecessores: Gregório de Matos, o satírico do século XVII, o Boca do Inferno, liberto e libertino – nas palavras da própria Lygia – e Araripe Júnior, crítico literário que conquistou fama com seu jeito direto e irreverente.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


07:00

Álbuns Clássicos - Episódio Queen - A Night At The Opera

 •  1997  •  12 anos  • 


De Matthew Longfellow

O quarto álbum do Queen lançado no final de 1975, é uma mistura de hard rock, pop, ópera, música e folk tradicional, utilizando guitarras multicamadas, riffs, harmonias vocais, floreios de piano, harpa, um ukulele e sem sintetizadores.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


08:00

Incertezas Críticas - 3ª Temporada - Episódio Raquel Rolnik

 •  2021  •  14 anos  •  SP


De Daniel Augusto

Raquel Rolnik é professora de arquitetura e urbanismo na USP e foi relatora especial da ONU. No seu programa, ela explica o que é a cidade a partir do livro que escreveu para a coleção Primeiros Passos. Além disso, fala da sua experiência na ONU após a crise de 2008 e da colonização da terra e da moradia na era das finanças.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


08:30

Fronteiras do Pensamento - 2ª Temporada - Episódio Realidade como Ficção

 •  2017  •  Livre  •  RS


De Frederico Pinto, Tatiana Nequete

Um grupo de teatro monta o espetáculo "A Gaivota", de Anton Tchekhov. Enquanto constroem seus personagens, os atores participam de um laboratório criativo no qual entrevistam renomados pensadores internacionais. Um documentário em desconstrução sobre os processos de criação.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


09:30

Frágil Equilíbrio

 •  2016  •  Livre  • 


De Guillermo Garcí­a López

Por meio de três histórias que abrangem três continentes, nós nos vemos refletidos nas vidas de imigrantes africanos, trabalhadores espanhóis e assalariados japoneses. As palavras de José Mujica, presidente uruguaio, tecem um fio nas três histórias e nos fazem perceber que, no final, somos todos iguais. Continentes e classes podem nos dividir, mas a humanidade nos une.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


11:00

Conexões

 •  2019  •  Livre  •  RS


De Pedro Zimmermann

A ampla possibilidade de conexões em escala global, possibilitada pela internet, faz surgir diferentes noções sobre o que é comunidade. Novas teias se entrelaçam e aproximam as pessoas de forma inovadora. Vidas tomam caminhos totalmente distintos através das redes e da interferência desta teia virtual onde a ausência de hierarquia transforma todos em potenciais agentes transformadores. CONEXÕES traz um tema pulsante e intrínseco a todas nossas ações na atualidade: as ligações entre o real e o virtual e o entrelaçamento e a complementação destes dois universos. Através dos depoimentos e questionamentos de importantes formadores de opinião de nível mundial como Fernando Savater, John Gray, Richard Dawkins, Richard Sennett, Saskia Sassen e Valter Hugo Mãe; os conceitos universais da palavra conexão ganham novos significados.

Próximas Exibições:
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


12:00

Alma Imoral - Episódio Ruptura e Continuidade

 •  2017  •  Livre  • 


De Silvio Tendler

O episódio começa com Adão e Eva, a primeira desobediência registrada na consciência humana. Passamos para os movimentos transgressivos no campo da política, como o da revista Tikkun, que defende o direito da ação política progressista entre os judeus. Em seguida, relembramos o casal Rosenberg, executado sob a acusação de passar informações sobre a bomba atômica para os soviéticos. Susannah Heschel luta por uma reinterpretação teológica que transforme o lugar das mulheres no judaísmo. É filha de Joshua Heschel, pioneiro do ativismo político nos anos 1960, que lutou contra a segregação racial e o envio de tropas para o Vietnã. Rebecca Goldstein se especializou na trajetória do transgressor Baruch Spinoza. Sami Awad trabalha na resolução de conflitos através da não violência. Encerramos o episódio com o professor Noam Chomsky, uma das vozes mais ácidas do mundo contemporâneo.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 06:00h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


13:00

Palmares: Coração Brasileiro, Alma Africana - Episódio A guerra do açúcar

 •  2018  •  Livre  • 


De José Carlos Asbeg, Luiz Arnaldo Campos, Carlos Nobre

Sem escravos não existe açúcar. Essa máxima do século XVII ilustra a íntima conexão desses dois comércios. Pelo açúcar manchado com sangue escravo, Portugal e Holanda travaram uma guerra ao redor do mundo. Os holandeses ocupam o Nordeste brasileiro. Com a desestruturação da ordem existente, as fugas dos escravos se multiplicam. Começa o período glorioso de Palmares.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 07:00h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


14:00

Ibiúna

 •  2019  •  14 anos  •  RJ


De Silvio Tendler

“Ibiúna, primavera brasileira” relembra o congresso clandestino da União Nacional dos Estudantes (UNE) realizado em outubro de 1968 onde cerca de 800 estudantes foram presos. Vindos de universidades de todo o país, os jovens estavam reunidos para eleger o novo presidente da entidade, mas dois dias depois do início dos trabalhos as forças públicas de segurança cercaram o local, prenderam todos os alunos e as principais lideranças do movimento. Desde o início do ano, os estudantes tomavam as ruas em protestos contra a ditadura militar que se instalara em 1964. Pouco depois da realização do congresso, foi instituído o AI-5, que endureceu ainda mais o regime

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 08:00h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


15:30

Maya Angelou: Ainda me levanto

 •  2016  •  14 anos  • 


De Bob Hercules, Rita Coburn Whack

Este filme inédito celebra a Dra. Maya Angelou tecendo suas palavras com fotografias e vídeos de arquivo raros e íntimos que retratam momentos ocultos de sua vida exuberante durante alguns dos momentos mais marcantes da América. Desde sua criação no sul da era da Depressão até seu trabalho com Malcolm X em Gana e seu discurso de posse para o presidente Bill Clinton, o filme nos leva a uma incrível jornada pela vida de uma verdadeira poeta, autora e ícone americana.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 09:30h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


17:30

Mistérios do Arquivo - Episódio 1975: A queda de Saigon

 •  2009  •  Livre  • 


De Serge Viallet

Nossa memória televisiva do último ato após 30 anos da Guerra do Vietnã é composta por imagens tiradas em Saigon no final de abril de 1975 por repórteres ocidentais. Partidas apressadas da Embaixada dos Estados Unidos, helicópteros empurrados de volta ao mar, pilotos se arriscando a pular de aviões em movimento, tanques comunistas aparecendo nos jardins do palácio presidencial… Qual é a razão dessa retirada às pressas, uma vez que estava tudo planejado, organizado há muito tempo?

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 11:30h
Qua, 17 ago às 02:46h
Qua, 17 ago às 02:46h


18:00

Esse Negócio de Livro - Episódio Importância do título

 •  2017  •  Livre  • 


De Adriana Borges, Lúcia Tupiassú

Os títulos, para muitos, são as primeiras palavras de um livro. Há quem se preocupe com o tamanho ou com o estilo deles. Há quem comece um novo livro por aí, e quem só consiga pensar nisso no final de tudo. Uns defendem que ele deve servir à história, outros, ao marketing e às estratégias de vendas. Os casos contados neste episódio nos ajudam a entender o papel e a importância dos títulos em uma obra. Pessoas com larga experiência no assunto, seja como autor de livros, seja como profissionais por trás das engrenagens de mercado, dão suas opiniões. São eles: Marçal Aquino, Noemi Jaffe, Fernanda Young, Beto Brant, Jiro Takahashi, Luiz Alves, Maria Amélia Melo, Maria Fernanda Rodrigues e Marta Garcia.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 04:00h
Qua, 24 ago às 06:00h
Dom, 28 ago às 02:00h


18:30

O Milagre de Santa Luzia – Cultura Popular - Temporada 1 - Episódio A Sanfona Caipira

 •  2011  •  Livre  •  SP


De Sergio Roizenblit

A música caipira de raíz de São Paulo tem uma história riquíssima, representada por ícones como Angelino de Oliveira, João Pacífico, as duplas Tonico e Tinoco e Mariano e Caçula, por exemplo. Mas há incontáveis músicos anônimos que engrossam o caldo dessa história, bem ao estilo ‘come quieto’ caipira, e que, carregados de simplicidade e inspiração, são a fonte inesgotável desse caldeirão artístico. Este programa da série O Milagre de Santa Luzia apresenta sanfoneiros amadores ou desconhecidos, representantes dessa história. Reunidos numa grande festa, na fazenda de Gilda Montans, em Ribeirão Preto, eles falam sobre a simplicidade da vida rural, da rotina do campo e como esse ‘clima’ se reflete na música que ouvem e tocam. As canções e os depoimentos, mais do que uma alternativa musical, apresentam uma visão de mundo oposta à dos habitantes das grandes cidades. Um programa inspirador, que instiga a reflexão.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 04:30h
Qua, 24 ago às 06:30h
Dom, 28 ago às 02:30h


19:00

Ku Klux Klan, uma história americana - Episódio As Ressurreições

 •  2019  •  16 anos  • 


De David Korn-Brzoza

Com o movimento pelos direitos civis ganhando impulso, a Ku Klux Klan mais uma vez partiu em marcha no sul dos Estados Unidos. De forma cúmplice com as autoridades locais, os defensores da supremacia branca desencadearam uma onda de ódio na década de 1960: o ataque à igreja em Birmingham, o assassinato de ativistas dos direitos civis. Seus crimes chocaram a opinião pública. Sob pressão política, o FBI passou à ofensiva. Resultado: na década de 1970, a Klan tinha apenas alguns milhares de membros restantes. Um novo líder, David Duke, tentou por algum tempo dar uma aparência de respeitabilidade, mas o terror ainda fazia parte do DNA da organização. Aos poucos, os homens do ‘Klan’ trocaram seus capuzes por uniformes militares e tatuagens de suástica. Hoje, as fileiras da Klan e de outros grupos supremacistas estão crescendo mais uma vez na América de Donald Trump.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 05:00h
Qua, 24 ago às 07:00h
Qua, 17 ago às 02:46h


20:00

Os Ímpares - Episódio Jorge Mautner - Tono e Exército de Bebês

 •  2017  •  Livre  • 


De Henrique Alqualo, Isis Mello

A banda Exército de Bebês faz sua versão bem humorada da música Encantador de Serpentes. A banda Tono também é convidada e relê Bomba de Estrelas, faixa que dá nome ao álbum do compositor Jorge Mautner. Mautner relembra as músicas do disco e o estúdio recebe a visita de Robertinho do Recife, compositor de Encantador de Serpentes.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 00:00h
Qua, 24 ago às 08:00h
Sáb, 27 ago às 09:00h


20:30

Balanço Black - Episódio Black Rio

 •  2021  •  12 anos  •  SP


De Flavio Frederico

Nesse episódio é narrado o apogeu dos Bailes Black e da indústria do Soul brasileiro com a popularização do "Movimento Black Rio” em meio a ditadura militar. Outro tema central do episódio é o surgimento da revolucionária Banda Black Rio, formada por grandes nomes da música instrumental brasileira, quase todos negros, como o líder Oberdan Magalhães.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 00:30h
Qua, 24 ago às 08:30h
Sáb, 27 ago às 19:00h


21:00

Clementina

 •  2019  •  Livre  •  RJ


De Ana Rieper

O documentário faz uma viagem através das músicas e da história de Clementina de Jesus. Os sambas mais poéticos, o batuque cheio de balanço, os cantos religiosos que revelam uma comunicação forte com o mundo sagrado, vão nos levando para o profundo mundo de Quelé. Marcada na história da MPB pela sua voz excepcional e repertório de música afro brasileira, essa neta de escravos trouxe com o seu canto a alegria, a potência e o drama da condição do negro no Brasil. Considerada por muitos o elo perdido entre a cultura brasileira e as raízes africanas.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 01:00h
Qua, 24 ago às 09:00h
Sáb, 27 ago às 16:05h


22:25

Dorivando Saravá, o preto que virou mar

 •  2020  •  Livre  •  BA


De Henrique Dantas

Preto – Obá – Homem que virou mar Ele foi o primeiro a cantar os Orixás e a introduzir o Tempo do Candomblé na música popular brasileira. Desafiou a própria morte ao se entregar nos braços de Iemanjá e – Obá de Xangô consagrado que era – Dorival Caymmi não morreu. Virou mar. É nessa linha poética que o novo documentário experimental em longa-metragem do diretor Henrique Dantas mergulha na vida do mais icônico compositor que a Bahia já produziu. Dorivando Saravá, o Preto que Virou Mar (BRA, 87 minutos) reúne depoimentos, lembranças e reflexões de artistas como Gilberto Gil, Tom Zé, Jussara Silveira, Tiganá Santana, Arlete Soares, Adriana Calcanhotto, entre outros que desfrutaram do privilégio de terem convivido com ele, ou que regravaram sua obra. O filme aborda conceitos presentes na vida e obra de Caymmi, recriados em poéticas praieiras concebidas a partir dos seus trabalhos de pintura e composição, e apresenta falas reveladoras do compositor, garimpadas em antigas entrevistas radiofônicas, nas quais ele mostra alguns de seus posicionamentos estéticos e políticos. No documentário, Caymmi é representado como uma maneira de ser, de existir, de pensar. Como se “dorivar” fosse um verbo que hoje o povo brasileiro precisasse urgentemente aprender a conjugar.

Próximas Exibições:
Ter, 23 ago às 02:25h
Qua, 24 ago às 10:25h
Sáb, 27 ago às 22:25h