Kangni Alem - O Togo e a triste história da escravidão


Disponível no:

Produção: Nilson Rodrigues

Fotografia: Filipe Duque
Gilmar Veloso
João Inácio
Paulino Alvarenga

Roteiro: Nilson Rodrigues
Ronaldo Duque

Edição: Marcelo Sousa

Trilha Sonora Original: Pablo Duque

Empresa(s) produtora(s): Mercado Filmes

Direção de produção: Lucas Tobias
Nilson Rodrigues

Produção Executiva: Lucas Tobias

Montagem: Marcelo Sousa

Entrevistados: Kangni Alem

A Visão de Kangni Alem, reconhecido como um dos maiores escritores da África, sobre o passado do seu país, mostra que a tragédia do tráfico negreiro, que tinha o vizinho Benin como principal porto, criou laços culturais profundos com a América e especialmente com o Brasil. Os caminhos que levaram o escritor até a universidade de Bourdeaux e ao título de PhD em literatura francesa e africana, e a se tornar um dos mais importantes narradores literários da triste história da escravidão do homem negro, que perdurou por quase quinhentos anos. Um olhar sobre suas peças, romances e novelas.
Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Relatos de Professores



Utilizou este filme em suas aulas? Relate sua experiência!


Relatos de Professores (0)

Testes de Conhecimentos


Você é Educador? Crie o primeiro teste de conhecimentos para este filme! Criar Teste

26 min
2016
Brasil
DF
LIVRE

Séries: Impressões do Mundo | 26 Episódios de 25 Minutos

Diretor: Ronaldo Duque

Sinopse: A Visão de Kangni Alem, reconhecido como um dos maiores escritores da África, sobre o passado do seu país, mostra que a tragédia do tráfico negreiro, que tinha o vizinho Benin como principal porto, criou laços culturais profundos com a América e especialmente com o Brasil. Os caminhos que levaram o escritor até a universidade de Bourdeaux e ao título de PhD em literatura francesa e africana, e a se tornar um dos mais importantes narradores literários da triste história da escravidão do homem negro, que perdurou por quase quinhentos anos. Um olhar sobre suas peças, romances e novelas.

Alugue