Ignacio de Loyola Brandão

Vote aqui



Produção: Flávia Diab, Zelito Passos

Fotografia: Paulino Alvarenga

Roteiro: Ronaldo Duque

Edição: André Cardoso, Marcelo Santos

Empresa(s) produtora(s): Mercado Cultural

Câmera: Paulino Alvarenga

Assistente de Câmera: Walter Valério

Assistente de Produção: Sirley Silva

Produtor Executivo: Nilson Rodrigues

Ele escreveu seu primeiro romance aos 12 anos. Colecionava dicionários. Trocava figurinhas e bolas de gude por livros. Era o menino que vendia palavras. Nascido em Araraquara, São Paulo, Ignácio de Loyola Brandão começou escrevendo reportagens e crítica de cinema. Apaixonado pela sétima arte, via e revia os filmes centenas de vezes. Ignácio de Loyola Brandão comandou editorialmente importantes revistas brasileiras.
Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Aplicabilidades Pedagógicas



Etapa/Nível de Ensino: Ensino Médio

Área de Ensino: Linguagens

Componente Curricular/Disciplina: Língua Portuguesa


Relatos de Professores



Utilizou este filme em suas aulas?
Relate sua experiência!

Relatos de Professores (0)

Testes de Conhecimentos


Você é Educador?
Crie o primeiro teste de conhecimentos para este filme!
Criar Teste

26 min
2011
Brasil
DF
AL

Séries: Impressões do Brasil | 30 Episódios de 26 Minutos

Diretor: Ronaldo Duque

Elenco: Ignacio de Loyola Brandão

Sinopse: Ele escreveu seu primeiro romance aos 12 anos. Colecionava dicionários. Trocava figurinhas e bolas de gude por livros. Era o menino que vendia palavras. Nascido em Araraquara, São Paulo, Ignácio de Loyola Brandão começou escrevendo reportagens e crítica de cinema. Apaixonado pela sétima arte, via e revia os filmes centenas de vezes. Ignácio de Loyola Brandão comandou editorialmente importantes revistas brasileiras.

Alugue